terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

21/2 - A Nova Ordem Mundial DE 20/2

A Nova Ordem Mundial


Posted: 20 Feb 2017 12:57 PM PST
Os avanços na tecnologia ultrapassaram nossos sonhos mais loucos ao longo das últimas décadas. O que muitas pessoas consideravam ser ficção científica agora é a realidade, e da mesma forma, o que pensamos que é impossível hoje, se tornará possível amanhã. Temos dispositivos que podem falar conosco e nos dizer praticamente qualquer coisa que...

[[Este é apenas um trecho do post, visite o site para ler o artigo completo, outros artigos e muito mais!]]

21/2 - BULA Revista


A incrível história do homem que fez amor com uma árvore


Já tinha ouvido falar de pessoas que conversavam com árvores, de outros que se enforcavam nelas, mas, aquilo era diferente, surreal. Mais um louco dentre tantos a vagarem por aí? Eu não conhecia o sujeito. Também não saberia lhes dizer que espécie de árvore era aquela. Sempre fui uma criatura urbanoide, um ser humano criado em cativeiro, ou melhor, em apartamento, que até os quinze anos só conhecia vaca pelas fotos de catálogo dos açougue e tinha aprendido a gatinhar no asfalto escaldante das metrópoles.

Por Eberth Vêncio | Ler no navegador »




Enquanto alguns chegam, outros partem. Na vida, somos passageiros de nós mesmos


Às vezes essa viagem é calma. Mas tem dias em que a gente descarrilha: perdemos a hora ou a chance, lamentamos por quem se foi e sofremos pelo que não tivemos. Dá vontade de parar o tempo e chorar com calma. Bem devagar. Suspirando. Até a dor passar. Também queremos odiar sem culpa e gritar ao mundo, para depois morrer na miséria das horas que nos consomem.

Por Rebeca Bedone | Ler no navegador »




Copyright © 2017 Revista Bula, Todos os direitos reservados.

 Atualize seus dados ou cancele sua assinatura

Email Marketing Powered by MailChimp

21/2 - MIGALHAS de HOJE


Terça-feira, 21 de fevereiro de 2017 - Migalhas nº 4.057 - Fechamento às 8h40.
Facebook   Twitter   Linkedin   WhatsApp   Google +
"Sexo grupal é uma coisa extremamente singular."
Millôr Fernandes

Bacanal do Jucá
Como se sabe - e se não sabe vai saber agora -, o líder do governo Temer criticou o encontro marcado pelo ministro Barroso com os limites do foro privilegiado (clique aqui). Temendo ficar no singular, Romero Jucá disse que se o foro acabar tem que ser grupal. E, falando com propriedade da libertinagem política, ensinou que "suruba é suruba". De modo que tem que todo mundo entrar, pois não existe "uma suruba selecionada". Ninguém duvide, o jargão tosco e de baixo calão não se deu por acaso. Ele quer, com isso, atingir as camadas populares com a ideia de que é o STF quem está criando uma casta de imaculados. Ou, no linguajar do senador, de cabaçudos.
Direto da Redação
Ontem, ao ouvir o devasso senador Romero Jucá, sr. Dionísio, vetusto faxineiro desta casa, disse que ia mandar participar da festança do Jucá o rapaz cuja foto os amigos, pregando uma peça, sempre lhe enviam pelo WhatsApp. E complementou o espirituoso funcionário : "- Ele vai fazer sucesso na suruba do senador, pois tem um longo currículo". Kkkk
"Sexo verbal"
"Suruba é suruba." A definição de Romero Jucá penetra nos anais da política tupiniquim.
BBB
Por falar em Jucá, você, leitor, soube o que aconteceu ontem no BBB ? Aqui também não vai saber, porque não perdemos tempo com este besteirol televisivo. Por enquanto, apenas o besteirol político. E já é demais...
Foro privilegiado
Voltando, em bons termos, à questão do foro privilegiado, o editorial de O Globo de hoje pondera que as críticas de Barroso [clique aqui] fazem sentido : "e agora é esperar que os ministros cheguem a um consenso em torno da melhor maneira de executar a reforma desse instrumento".
Novo ministro no STF
O DOU de amanhã deve trazer a nomeação de Alexandre de Moraes. Hoje acontece a sabatina. O Editorial do Estadão, incauto, diz que "a sabatina é a ocasião para que o País tome conhecimento das qualidades e eventuais deficiências do sr. Alexandre de Moraes". Infelizmente é um ato proforma. Por mais duros que sejam alguns senadores (a exceção só comprova a regra), é tudo jogo de cena.
Novo ministro no STF - II
Já podemos prever que o novel ministro terá alta produtividade e um gabinete organizado. Começará "piano, piano", mas logo, logo, vai querer se destacar. E como o DNA em algum momento falará mais alto, a paixão pela política irá aflorar na judicatura. Se isso é bom, ou ruim, o tempo dirá e quem viver, verá.
Novo ministro da Justiça
Folha de S.Paulo conta que aliados de Temer (traduzindo, ele próprio) articulam a nomeação para o MJ do subchefe de assuntos jurídicos da Casa Civil, Gustavo Rocha.
Novo ministro da Justiça - II
O Estadão confirma que o nome do subchefe para Assuntos Jurídicos entrou na bolsa de apostas para ocupar o cargo. A julgar pelos dois jornais, o nome do advogado já foi assimilado.
Arbitragem sob suspeita
No começo do mês, surgiram informações de que o doleiro Lúcio Bolonha Funaro estaria delatando. Como era próximo de Cunha e adjacências, muita gente perdeu o sono em Brasília. Mas a princípio eram apenas rumores. Hoje, Ancelmo Gois conta que Funaro, na delação, diz ter comprado o voto de um árbitro num litígio envolvendo a Schahin Engenharia. O colunista de O Globo cita os três juristas que compunham o procedimento arbitral. Nós aqui não os citaremos, porque não temos como comprovar o que foi dito. E mais, não parece crível, por dois motivos. Primeiro, não se compra apenas um voto numa arbitragem. Segundo, se houvesse algo a vazar em eventual delação de Funaro, certamente não seria uma estultice dessa. Há muito mais coisas entre Funaro e a República do que sonha nossa vã jusfilosofia.
Há 20 anos, e ainda hoje
Os mais novos nem conhecem este nome, mas Hildebrando Pascoal, preso há quase vinte anos, teve deferida a progressão penal e agora vai cumprir pena no semiaberto. Ex-deputado Federal pelo Acre, ele ficou conhecido pela macabra motosserra com que partia as vítimas. Dir-se-á que é coisa ordinária pra quem viu as cenas dos presídios recentemente.
Abandono afetivo
"Não se pode compelir alguém a demonstrar afeto a outrem." A reflexão foi feita pelo juiz substituto Matheus Stamillo Santarelli Zuliani, da 1ª vara Cível de Ceilândia/DF, ao julgar improcedente ação de indenização por danos morais ajuizada por um homem contra seu pai, que alegava abandono afetivo. Na decisão, o magistrado afirmou que nem sempre a via judicial é a solução para conflitos familiares. No caso de abandono afetivo, "dificilmente esta aproximação ocorrerá no decurso de um processo judicial". (Clique aqui)
Guarda compartilhada
Em caso de união homoafetiva dissolvida, a animosidade entre ex-companheiras e suas diferenças de ponto de vista sobre criação de filhos não são impedimento para a fixação da guarda compartilhada. Decisão é da 3ª turma do STJ, em caso relatado pela ministra Nancy. (Clique aqui)
Prerrogativas
A OAB/ES representou ontem à Corregedoria Geral de Justiça do ES contra ato do juiz de Direito José Rodrigues Pinheiro, titular da vara única de Itaguaçu/ES, que negou acesso aos autos conclusos dos processos que tramitam naquela comarca (clique aqui). O juiz afirmou que a medida se deu porque a retirada dos autos atrapalha o trabalho e que "precisa dar conta dos processos". A seccional pede a suspensão da regra em caráter liminar e, no mérito, sua cassação, destacando previsão do provimento 9/16 do TJ/ES, o qual garante o acesso do advogado aos autos conclusos.
STF
O primeiro item na pauta de amanhã do plenário do STF é o RE que trata do cálculo de PIS para prestadores de serviço. De relatoria do ministro Toffoli, o recurso definirá se é constitucional a MP 66/02, que inaugurou a sistemática da não cumulatividade da contribuição para o PIS, incidente sobre o faturamento das pessoas jurídicas prestadoras de serviços, com a consequente majoração da alíquota da referida contribuição associada à possibilidade de aproveitamento de créditos compensáveis para a apuração do valor efetivamente devido. (RE 607.642)
Santander x Camargo Corrêa
Em uma disputa do Santander com a Camargo Corrêa, tratando de cláusulas contratuais ajustadas na compra pelo Santander do Banco Geral de Comércio, o primeiro sagrou-se vitorioso no TJ/SP. A 1ª câmara Reservada de Direito Empresarial acolheu a tese do Santander para declarar a não incidência do CDI sobre provisão passiva consistente em depósitos judiciais realizados em processo PDD (Provisão para Devedores Duvidosos). Os advogados Milena Donato Oliva e Gustavo Tepedino, do escritório Gustavo Tepedino Advogados, atuaram na causa pelo Santander. (Clique aqui)
Evento - Planejamento Tributário
Em ano de crise econômica consolidada, um eficiente planejamento tributário tem o condão de sustentar as empresas em meio à turbulência, e inclusive salvá-las de um fim prematuro. Para advogados e gestores que estão na linha de frente do combate a esses problemas, Migalhas preparou um seminário imperdível : "Planejamento Tributário", dia 13/3, em SP. Garanta sua vaga imediatamente. (Clique aqui)
TST
O Pleno do TST aprovou ontem a recomposição de seu Órgão Especial, em decorrência do vencimento, no mês que vem, de cinco mandatos. Saem os ministros Mauricio Godinho, Augusto César, Delaíde Miranda e Hugo Carlos Scheuermann. A ministra Kátia Arruda foi reconduzida ; e para as demais vagas, passam a compor o colegiado os ministros Douglas Alencar Rodrigues, Maria Helena Mallmann, Alberto Bresciani e Dora Maria da Costa.
Ação anulatória
O TST concluiu ontem, em apertada maioria, julgamento que tratou da ação anulatória ajuizada na execução trabalhista. O Pleno fixou tese de aplicação da súmula 266 no caso de ação anulatória de arrematação, e será encaminhado à Comissão de Jurisprudência que acrescente a expressão "ação anulatória de arrematação" ao entendimento sumular, que dispõe sobre a admissibilidade do recurso de revista. (Clique aqui)
Revisão de súmula
O ministro do TST Barros Levenhagen, durante julgamento da migalha narrada acima, afirmou ter "fundadas reservas à súmula 433", e acredita que ela merece ser revisada. Também o ministro Ives fez ponderações acerca do entendimento sumular : "O Supremo delegou ao TST o controle de constitucionalidade das decisões em execução de sentença. Poderíamos delegar às turmas fazer o mesmo ? Mudando a súmula 433, como propõe por exemplo o ministro Levenhagen ? Acho que sim, simplificaríamos muito. Mas o fato é que a súmula 433 está em vigor." Mais à frente no julgamento, tornou a destacar que "o STF, em matéria de execução trabalhista, lavou as mãos ; 'não vou me meter nesta matéria' ; deixou o controle de constitucionalidade para ser exercido pelo TST".
HC
O desembargador Pedro Sakamoto, do TJ/MT, concedeu HC ao advogado Francisco Faiad, ex-presidente da OAB/MT, preso há uma semana (clique aqui).

____________  

21/2 - OUTRAS PALAVRAS de 20/2

FONTE:Antonio Martins <antonio@outraspalavras.net>

Boletim de atualização - Nº 775 - 20/2/2017

​​Equador: rebeldia e êxitos de uma esquerda sem medo
Rafael Correa está muito próximo de eleger seu sucessor. Seu segredo: desprezar o “ajuste fiscal”, realizar política econômica contrária ao que exigiam os “sábios” neoliberais. Por Mark Weisbrot (Outras Palavras)

As “vidas indignas de ser vividas”Por que temos sido incapazes de Por trás da perseguição capitalista aos imigrantes há um conceito jurídico nazista. Em oposição a ele, busca-se uma alternativa – que tem a ver com Marx e Jesus. Por Mauro Lopes (Caminho pra Casa)

Previdência: hora de pressão sobre os parlamentares
Um guia prático produzido pela resistência a Trump pode inspirar na batalha contra a "reforma" da Seguridade Social. Por Glauco Faria (Previdência, Mitos e Verdades)

Ensino Médio: outra peça do retrocesso social
Aprovada sem debate, “reforma” quer confinar os pobres em escolas sem verbas e sem crítica, voltadas apenas à formação para o trabalho. Por Cléo Manhas (Outras Palavras)

Cuba e a propriedade privada
Manter o caminho? Abrir para o “empreendedorismo” privado? Socialismo autogestionário? são muitos os dilemas do socialismo cubano. No centro deles está o controle dos meios de produção. Por Joana Salém Vasconcelos (Outras Mídias)

Dez questões cruciais para uma horta urbana
Entre elas: qual o espaço necessário? Que plantar? Qual o melhor formato? Como fazê-la em comunidade? Pode ser em espaço público? Por Djalma Nery (Plantar o Futuro)
--
Boletim
de atualização do site Outras Palavras. A reprodução é bem-vinda. Interessados em recebê-lo devem clicar aqui. Para deixar de receber, aqui. Acompanhe nossas novidades também no Facebook
e noYouTube



_______________________________________________
Boletimdiplo mailing list
Boletimdiplo@listas.tiwa.net.br
https://listas.tiwa.net.br/listinfo/boletimdiplo

21/2 - Você conhece os mitos gregos?

 
Você conhece os mitos gregos? Faça o teste e descubra!
Exibir Conteúdo
Enviar a Um Amigo  |  Compartilhar no Facebook
 
Você ainda não se cadastrou? Que pena! É grátis!
Cadastre-se agora e desfrute das melhores histórias por e-mail!
Edite o seu perfil
Aqui você poderá editar seus detalhes:
eselecionar o que lhe interessa, mudar e-mail e mais...
 

Você tem algo interessante que deseja compartilhar? Mande para nós!
Limite a quantidade de e-mails diários | Cancelar o serviço
Tudo Por Email - O que há de interessante - Condições do serviço - Sobre o serviço



Este email foi enviado para o membro No. 359071 - jfabelha@terra.com.br   

21/2 - Giro UOL de HOJE 1

Giro UOL
Moderninha
 
Veja a seleção de notícias que o UOL fez para você nesta manhã - 21/02
 
Sabatina tensa no Senado
 
REUTERS/Adriano Machado
Indicado por Michel Temer, Alexandre de Moraes deve ser aprovado hoje em sabatina tensa na Comissão de Constituição e Justiça do Senado. E a duração pode ser longa, como prometeram líderes da oposição. A sessão está marcada para as 10 horas.
                                                                                                                               
Ontem, no Rio e em São Paulo, Moraes foi alvo de protestos contra a indicação dele à vaga no Supremo Tribunal Federal (STF). Ele está licenciado do cargo de ministro da Justiça.
Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
R$ 13 milhões investigados
 
Douglas Pereira/UOL
Uma empresa de call center, com sede em Porto Alegre e ligada ao ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, recebeu R$ 13 milhões de uma estatal por meio de contratos que são investigados.

Auditoria do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul indica irregularidades no pagamento de serviços que não foram prestados e uma lentidão para realizar nova licitação. A assessoria de imprensa de Padilha disse que não vai falar sobre o caso. Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
Jucá perseguido pela imprensa?
 
André Dusek/Estadão Conteúdo
O líder do governo do Congresso, Romero Jucá (PMDB-RR), discursou por quase uma hora ontem no plenário Senado para se defender das acusações de que tenta atrapalhar a Lava Jato e para reclamar da imprensa.

Ele acusou os meios de comunicação de tentara fazer o “linchamento” dos políticos. Em conversas com o ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, em 2015, Jucá sugeriu uma “mudança no governo federal” para barrar a Lava Jato. Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
Mortes violentas no Rio
 
Felipe Dana/AP
E um dado alarmante sobre a violência no Rio de Janeiro. Um levantamento indica que ao menos nove pessoas foram baleadas diariamente na cidade em 2016. Em média, 14 tiroteios foram registrados por dia no último semestre.

Nos últimos dias, duas crianças foram mortas vítimas de bala perdida. Fernanda Adriana Caparica Pinheiro, de 7 anos, foi morta quando brincava no terraço de casa no Complexo da Maré. Em janeiro, Sofia Lara Braga, de apenas 2 anos, foi morta em um parquinho no bairro do Irajá.
 
Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
Obesidade cresce no país
 
Getty Images
E a obesidade cresce no Brasil. Dados inéditos do Ministério da Saúde mostram que o número de obesos entre os clientes de planos de saúde subiu 36% em sete anos. Hoje, 47,5 milhões de brasileiros têm plano de saúde.

O excesso de peso também é uma tendência entre a população geral do país, atingindo 53,9% até 2016. Especialistas indicam que maior consumo de alimentos processados, falta de educação alimentar e sedentarismo são fatores que levam ao aumento da obesidade no país. Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
Afastamento no Butantan
 
Luis Ushirobira/Valor
O governador de SP, Geraldo Alckmin, vai afastar o médico Jorge Kalil da direção do Instituto Butantan. O anúncio deve ser feito ainda hoje.

Kalil é acusado por Montoro Filho, ex-presidente da Fundação Butantan, de cometer uma série de improbidades administrativas quando acumulou a direção tanto da fundação quanto do instituto. Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
Devo, não nego, pago...
 
Folhapress
Você saberia dizer qual é a empresa que mais deve à Previdência no Brasil? É a Varig, companhia aérea que faliu em 2006. A dívida da empresa chega a R$ 3,7 bilhões.

Os devedores da Previdência Social acumulam dívida de quase R$ 427 bilhões. Só em 2016, o rombo foi de R$ 149,7 bilhões. Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
Carioca em Minas
 
Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
Flamengo e Vasco vão disputar a semifinal da Taça Guanabara, o 1º turno do Estadual do Rio, em Juiz de Fora (MG), no sábado, às 18h30. O jogo terá torcida dos dois times, com divisão de 50% do estádio.

A decisão de levar o jogo a MG foi tomada pela Federação de Futebol do RJ, a Ferj, para driblar a imposição da Justiça do Estado, que ordenou clássicos com torcida única. Leia mais
 
Compartilhar no Facebook|Compartilhar no Twitter|Compartilhar no Linkedin|Compartilhar no Pinterest|Compartilhar por E-mail
 
 
PATROCINADO POR:
Moderninha
 
 
Baixe o aplicativo UOL:   Apple Store Google Play
 
UOLFacebook Twitter Pinterest Instagram Snapchat: @uoloficial